Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



“Concerto Bradesco II” apresenta música erudita para as crianças
Por Aretha Lins, Secretaria de Estado de Cultura
quinta-feira, 12 de maio de 2016
 
 
 

“Concerto Bradesco II” apresenta música erudita para as crianças
Orquestra Experimental. / Divulgação

A programação do XIX Festival Amazonas de Ópera, uma realização do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura, continua emocionando o público, por todo mês de maio, com belíssimas apresentações. E neste domingo (15), no Teatro Amazonas, às 16h e 19h, o “Concerto Bradesco II” promete encantar as famílias, em especial as crianças, que terão a oportunidade de apreciar, de forma lúdica, música erudita em alto e bom som, no Teatro Amazonas, com classificação livre e ingressos a partir de R$2,50 (meia).

Concerto Bradesco II

Com Direção Musical e Regência do Maestro Otávio Simões, a Orquestra Experimental da Amazonas Filarmônica apresenta duas obras, que têm um papel importante para iniciação musical clássica, o “Guia Orquestral para Jovens”, de Benjamin Britten (1913-1976), e “Pedro e o Lobo”, de Sergei Prokofiev (1891-1953), com textos adaptados e narração feita pelos atores locais Eduardo Klismann e Matheus Sabbá, integrantes da Cia. de Teatro Metamorfose.

Segundo o Maestro Otávio Simões, os ensaios tiveram início em fevereiro, para apresentar duas grandes obras. Que, de forma didática e teatral, vão envolver público presente, e comentou, “Neste concerto especial, a Orquestra Experimental será parte da história, incluindo de forma didática as crianças ao Festival de Ópera, além de propiciar um contato com nosso belo Teatro Amazonas”.

Os textos foram adaptados especialmente para essas apresentações, com linguagem voltada para o público infantil. Durante o concerto Eduardo Klismann e Matheus Sabbá, artistas especialmente convidados, irão teatralizar as obras, usando adereços cênicos e técnicas do teatro musical. Para eles, esse primeiro contato com a música erudita é muito importante para as crianças, no que diz respeito à formação pedagógica e cultural. E definiram sua participação no “XIX Festival Amazonas de Ópera” como “engrandecedora”.

 

Para o secretário de Estado de Cultura, Robério Braga, “Neste ’XIX Festival Amazonas de Ópera’ mantemos uma proposta, que já deu certo em outras edições, que valoriza os artistas locais, aproxima o público infantojuvenil, além de possibilitar à população um encontro emocionante, com a ópera e a música erudita.”

“Guia Orquestral para Jovens”

O “Guia Orquestral para Jovens” foi composto em 1945, por Benjamim Britten, após convite para colaborar em um filme educativo que se chamaria “Instrumentos da Orquestra”, que tinha como objetivo familiarizar as pessoas com os instrumentos de uma orquestra.

Benjamim Britten usou como base para obra um tema do compositor barroco inglês Henry Purcell, tirado da música incidental que compôs para a peça “Abdelazar”. O tema original é tocado inicialmente por toda a orquestra. Depois, ele é repetido conjunto por conjunto de instrumentos: madeiras, metais, cordas e percussão.

A estreia da obra “Guia Orquestral para Jovens” foi apresentada pela Filarmônica de Liverpool, sob a regência de Sir. Malcolm Sargent, no dia 15 de outubro de 1946, com enorme sucesso, e narrativa escrita pelo libretista Eric Crozier.

O trabalho é uma das peças mais conhecidas do compositor, e é muitas vezes associada a duas outras obras no contexto da Educação Musical Infantil: “O carnaval dos animais”, de Camille Saint-Saëns e “Pedro e o Lobo”, de Sergei Prokofiev.

         O “Guia Orquestral para Jovens” já foi apresentado em 2013, no palco do Teatro Amazonas, em um concerto da “Série Guaraná”. Na ocasião, a apresentação da obra foi um verdadeiro sucesso de público e teve como seu narrador o ator local Paulo Queiroz.



“Pedro e o Lobo”

“Pedro e o Lobo” é uma história infantil contada através da música, composta pelo compositor e pianista ucraniano, Sergei Prokofiev, em 1936, reconhecido como um dos compositores mais celebrados do século XX, conhecido por obras como o balé “Romeu e Julieta” e as óperas “O Amor das Três Laranjas” e “Guerra e Paz”.

 

Na historinha Pedro, que mora com seu avô, se mostra um garoto muito valente e bondoso, que com ajuda de seu amiguinho, um passarinho, consegue prender um faminto lobo cinzento pela calda e o leva para um zoológico, protegendo-o dos tiros de caçadores. Durante essa aventura, outros personagens aparecem: um gato muito travesso e um pato fujão, que adora nadar na lagoa, mas acaba se dando mal.

 

A obra foi criada com objetivo pedagógico de mostrar às crianças a sonoridade dos diversos instrumentos musicais que compõem uma orquestra, dessa forma, cada personagem ganha vida, sendo representado por um ou mais instrumentos musicais:

 


·         Pedro: Quarteto de Cordas

·         Passarinho: Flauta Transversal

·         Pato: Oboé

·         Gato: Clarinete

·         Avô: Fagote

·         Lobo: três Trompas

·         Caçadores: Timbales / Tímpanos / Bumbo

 

A história de “Pedro e o Lobo” já foi contada em várias versões, e gravada em diversos idiomas. Aqui no Brasil, artistas como Rita Lee, Adriana Calcanhoto e até o “rei” Roberto Carlos já narraram essa história, onde a música clássica se encontra com o imaginário infantil.

 

Publicidade


   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2021