Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Festa da Alegria, dia 8.
Por Adriano Silva,
quinta-feira, 6 de outubro de 2016
 
 
 

O Centro de Formação Vida Alegre promove neste sábado, 8, às 18h, na rua Paraguaçu n° 68 – Vila da Prata, a “Festa da Alegria”, um evento beneficente que visa arrecadar recursos para a manutenção da Organização Não Governamental (ONG), que atende mais de 250 pessoas entre crianças, jovens e adultos.

O evento também tem o cunho de prestação de contas para a comunidade. Os alunos de todas as atividades desenvolvidas na ONG irão fazer apresentações. “Queremos que tanto os moradores do bairro quanto nossos apoiadores confiram a evolução dos que frequentam as aulas voltadas para a melhoria do condicionamento físico e para o desenvolvimento intelectual. É uma oportunidade importante também para unir ainda mais as famílias. Os pais, tios, avós, padrinhos, tenho certeza, irão se orgulhar do empenho dos alunos, que são dedicados e criativos”, afirmou Ana Maria Reis, Assistente Social.

A programação inclui apresentações da turma da natação, do reforço escolar, do balé e termina com um super show gratuito da banda Sintonia Raiz, que tocará reggae para iniciar a noite e depois o repertório será um mix de sertanejo, rock, MPB. O público também poderá participar pedindo músicas. Os jovens integrantes: Gabriel Nesys no vocal, Lucas Assis na guitarra e Rafael Santana na bateria pretendem colocar todo mundo pra dançar tocando o ritmo que o público mais gostar.

A festa terá várias bancas com comidas típicas a preços atrativos, bingos e leilões de prêmios úteis para a casa. Toda a renda será revertida para a melhoria da ONG como uma nova pintura do prédio e reparos emergenciais. Quem quiser contribuir com a festa, pode entrar em contato com a assistente social Ana Maria pelo telefone 3625-2192.

História do projeto

Na década de 1970, com o advento da Zona Franca de Manaus, um trecho do bairro do São Jorge (mais tarde transformado na Vila da Prata) foi ocupado por pessoas oriundas do interior do Estado do Amazonas e também de outros locais, como Pará, Acre e estados nordestinos.
Vendo o alto índice de analfabetismo dos moradores e a necessidade de construção de uma creche para crianças, onde essas pudessem ter um desenvolvimento educativo e social, religiosos e a comunidade tiveram a ideia de construir uma escola que atendesse essas duas necessidades básicas.

Em 1984 chega a Manaus, especificamente para trabalhar no referido bairro, Irmã Adonai Politi, freira franciscana e de nacionalidade turca. Irmã Adonai deu continuidade a obra iniciada por irmã Nair e padre João.

Nesta ocasião aconteceu a vinda para Manaus de Mme. Thereza Tourneminne, senhora de nacionalidade francesa e na época presidente da entidade francesa Appel Détresse. Procurada por imã Adonai, Mme. Thereza Tourneminne resolveu fazer uma visita à comunidade da Vila da Prata e percebendo o alto índice de vulnerabilidade social dos moradores, colocou-se à disposição para ajudar na construção da escola.

Madame propôs a irmã Adonai que administrasse o dinheiro que enviava da França para a manutenção da obra. Aceitando esse desafio, irmã Adonai teve como primeiro trabalho reunir toda a comunidade para uma reunião cuja pauta era a sede própria. A principal tarefa deliberada a todos foi a de procurar um terreno para que a escola fosse construída imediatamente.

O nome Vida Alegre, dado por Mme. Thereza Tourneminne à primeira escola do bairro, originou-se a partir do momento em que Mme. ao ver crianças brincando às margens dos igarapés, perguntou a elas se gostariam que no bairro existisse uma escola. Vendo a alegria estampada no rosto de cada uma, teve a ideia de chamar o local de Vida Alegre.

Hoje a então escola Vida Alegre que iniciou seus trabalhos com apenas duas salas de aula, está sob responsabilidade da Secretaria Estadual de Educação e denomina-se Escola Estadual Irmã Adonai Politi, homenagem feita à fundadora da primeira escola do bairro.A escola conta com 16 salas de aulas, sala da diretoria, sala de professores, cozinha, área coberta, quadra coberta e videoteca, tudo construído com o dinheiro vinda da França por meio de Mme. Thereza Tourneminne e administrado por irmã Adonai.

Em 2001, o prédio foi reformado e adaptado para concretizar o sonho de muitos anos: a criação da ONG, Centro de Formação Vida Alegre. Sua missão é desenvolver ações e programas assistenciais que contribuam ativamente para o enfrentamento dos problemas sociais, garantam a vida e os direitos, assim como transmitam valores e ensinem os deveres aos cidadãos.

São oferecidas aulas de reforço, de natação, balé, música, artesanato, informática. Muitos ex-alunos ingressaram no mercado de trabalho por indicação da ONG. Outros conseguiram ser aprovados em faculdades pelos conhecimentos adquiridos na Vida Alegre.

 

Publicidade




TecVidros
   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Cinema
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Cyber Café
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Hotspots (wi-fi)
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


Whatsapp Manausonline:
whatsapp (92) 98252-0123    


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2019