Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Tacacá na Bossa celebra “100 anos de Samba”
Por Secretaria de Estado de Cultura,
segunda-feira, 28 de novembro de 2016
 
 
 

O ritmo originalmente brasileiro, conhecido nas rodas musicais e apreciado pelos boêmios envolvendo música, dança e poesia completa 100 anos. E para comemorar esse centenário de história cultural desse ritmo contagiante, nada melhor do que apreciar com muita “música de raiz” e samba no pé, no Centro Cultural Largo de São Sebastião, nos dias 30 de novembro, quarta-feira, 1° e 2 de dezembro, quinta e sexta-feira, a partir das 19h, no projeto Tacacá na Bossa, com o apoio do Governo do Estado do Amazonas, via Secretaria de Cultura.

Para as apresentações das três noites, o público pode esperar muita alegria, dança, sintonia e batuque misturado com instrumentos de corda e de percussão, e claro, muitas cações de artistas renomados, eternizadas no cenário musical, sendo interpretadas com grandes vozes locais em celebração ao símbolo cultural do país: o samba!

Programação

No primeiro dia de evento, quarta-feira (30), o cantor Junior Rodrigues (48) receberá as cantoras Lucilene Castro, Fátima Silva, Cinara Nery e Marcia Siqueira, além de outras participações especiais.

Na programação do segundo dia, quinta-feira (1), o grupo musical Pagode dos Amigos interpretará vozes conhecidas do samba como os cantores Zeca Pagodinho, Martinho da Vila e Beth Carvalho, além de apresentar a música de trabalho “Isso é Deus”.

Entre as várias participações especiais da noite, estão o grupo musical Ases do Pagode e a Escola de Samba Reino Unido da Liberdade.

Para intérprete Mariozinho Câmara (35), o público será um diferencial nessa apresentação. “O público manauara aprecia e prestigia bastante os nossos shows e dessa vez não será diferente, ainda mais em celebração ao ritmo que está no gosto dos brasileiros”, afirmou Mariozinho.

O último dia, sexta-feira (2) de comemoração ao centenário do samba, encerra a programação com a participação dos músicos do grupo Fino do Samba, que resgatarão o samba de raiz, comtemplados por artistas renomados como Paulinho da Viola, Cartola e Paulo César Pinheiro, entre outros sambistas.

Para o músico David Nogueira (48), o repertório para esse evento resgata a essência do samba de raiz. “Selecionamos músicas que marcaram época e que são interpretadas por grandes sambistas. Por isso, aguardamos um grande público em celebração à musicalidade legitimamente brasileira”, ressaltou David.

As Escolas de Samba Vitória Régia e Grande Família estão entre os convidados da última noite em celebração ao centenário do samba.

História do Samba

O samba surgiu na cidade do Rio de Janeiro, na segunda década do século XX, por influência dos migrantes baianos que faziam, em roda e batendo na palma da mão, rituais religiosos, utilizando o batuque trazido pelos escravos africanos.

Ao longo dos anos adquiriu melodia, ganhou espaço no cenário musical e influenciou na criação de vários estilos musicais, como pagode e o samba-enredo, tornando-se símbolo da identidade nacional brasileira. Dentre as canções popularmente conhecidas, está “Não deixe o samba morrer”, composta por Edson Conceição e Aloísio Silva. No dia 2 de Dezembro comemora-se o Dia Nacional do Samba.

 

Publicidade


   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2021