Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Iniciativa positiva de vereadores acelera negociação
Por Pricila de Assis ,
segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017
 
 
 

Iniciativa positiva de vereadores acelera negociação
Iniciativa positiva de vereadores acelera negociação entre PMM e Governador. / Alcides Neto.

Na última terça-feira (14), três vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM) tomaram a iniciativa de conversar com o governador José Melo (PROS) na tentativa de convencê-lo a manter o subsídio do combustível (ICMS) e a isenção do IPVA para os ônibus do transporte  público.

O vice-prefeito de Manaus, Marcos Rotta (PMDB), diante da movimentação dos vereadores Chico Preto (PMN), Willian Abreu (PMN) e Joana D'arc Protetora dos Animais (PR), também iniciou o diálogo para tentar persuadir Melo, levando-o à reflexão quanto ao prejuízo que irá causar à economia popular caso não volte atrás no incentivo. “Pedi a ele que não dissesse "não" a um velho amigo e, juntos, vamos encontrar a melhor alternativa para que o sistema de transporte público não seja uma política de governo e sim de Estado.”, disse Rotta.

Durante a entrevista para o canal do BNC, o vice-prefeito afirmou que o subsídio “não é novo, não é desse governo e sim de governos passados”.

Para o vereador Chico Preto (PMN), a sua iniciativa e intenção com os outros parlamentares ao procurar o governador é de apresentar uma alternativa para o impasse e  provocar uma posição mais incisiva da Prefeitura Municipal de Manaus (PMM) no sentido de mostrar a planilha de custos, tornando mais transparente esse contrato. “Demos o primeiro passo, mesmo não sendo prefeito, nem aliado do governo. Nosso interesse maior é melhorar a vida de quem depende dos serviços públicos", ressaltou Chico Preto.

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram), destaca que a suspensão da isenção do ICMS e do IPVA, gera um custo adicional de R$ 0,2403 no valor da tarifa atual, ou seja 6,77% de aumento.

O subsídio do combustível, ao contrário do que a população imagina, é uma concessão que beneficia diretamente o povo, reduzindo o valor da tarifa de ônibus. Caso a contribuição dessa concessão do dinheiro público feita pelo governo do Estado não volte, a passagem poderá subir para R$ 3,50, afetando financeiramente o trabalhador manauara.

 

Publicidade


   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2021