Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Ciro Gomes discute desenvolvimento econômico com lojistas e empresários, em Manaus
Por Laila Pereira,
sábado, 30 de novembro de 2019
 
 
 

Ciro Gomes discute desenvolvimento econômico com lojistas e empresários, em Manaus
Ciro Gomes em encontro na CDLM. / Divulgação.

Durante encontro com lojistas e empresários na Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDLM), nesta sexta-feira, dia 29, o ex-ministro e vice-presidente do PDT, Ciro Gomes, destacou o Projeto Nacional de Desenvolvimento como fenômeno histórico essencialmente político, que deve ser fruto de um profundo debate democrático, sedimentando uma aliança entre os trabalhadores, os empresários e a academia brasileira. Ciro Gomes tem debatido o novo projeto em várias cidades brasileiras, juntamente a economistas, pensadores e importantes entidades.

“Para superar o subdesenvolvimento e a dependência não basta o crescimento econômico. É necessário romper com a condição de subdesenvolvido e dependente e recolocar o Brasil na divisão internacional do trabalho, por meio do desenvolvimento tecnológico, produtivo e, sobretudo, humano. Não há país desenvolvido onde as pessoas vivam mal”, afirmou.

Na reunião com os lojistas, o presidente da CDL Manaus, Ralph Assayag, fez questionamentos sobre o fortalecimento da economia regional, alternativas econômicas para o Amazonas, além da segurança ao modelo Zona Franca de Manaus. Em resposta, Ciro disse que já possui estudos, mas que precisava debater e alinhar com a sociedade local.

“Quando o Brasil cresce muito ou pouco, 60% do crescimento é puxado pelo consumo das famílias. Se a família consome, o comércio vende mais e contrata mais gente, que chama mais da indústria, que contrata mais matéria-prima, e assim a roda gira. E o consumo das famílias é puxado pelo emprego, renda e crédito”, afirmou, considerando que os motores que devem ser avaliados para o Plano Nacional de Desenvolvimento, são o consumo das famílias, investimento empresarial e investimento público.

A reunião na Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL-M) encerrou a programação oficial de Ciro Gomes, em Manaus. Durante dois dias, além dos lojistas e empresários, o vice-presidente do PDT também participou de uma roda de conversa com pesquisadores do Inpa e ministrou palestra na Ufam,sobre o Projeto Nacional de Desenvolvimento.

Seminário na UFAM

No Seminário de Desenvolvimento Nacional e Regional, ao lado de Ciro Gomes, o presidente do PDT-AM, Hissa Abrahão, que também é economista, falou sobre a importância da Zona Franca de Manaus (ZFM) para o desenvolvimento do Amazonas e do país. “A Zona Franca não é um paliativo de recursos, ela é uma política de Estado que faz parte da estrutura da República, como forma de desenvolver a região Norte. Ela está garantida pela Constituição, a qual afirma que qualquer área incentivada, pode garantir renúncia fiscal, desde que preserve o meio ambiente. E a ZFM preserva o meio ambiente”, afirmou.

Hissa Abrahão destacou ainda a importância do rendimento da Zona Franca não apenas para o Amazonas, como também para o Brasil, além do investimento em diversas instituições públicas. “Além de nós devolvermos 13,9 bilhões para o Governo Federal e recebermos 3,8, portanto nós entregamos 10 bilhões a mais para o Governo Federal, nós temos um custo que a própria indústria local financia, que chega a quase 2 bilhões por ano. Os principais investimentos são feitos para a Universidade do Estado do Amazonas (UEA), ao Fundo de Apoio à Interiorização, ao Fundo de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e ao Comitê das atividades de Pesquisa e Desenvolvimento na Amazônia (CAPDA)”, ressaltou.

Em concordância com Hissa, Ciro Gomes falou sobre a necessidade de interiorizar a produção do Polo Industrial de Manaus. "Uma das questões concretas do Brasil é a Amazônia. É preciso, antes de mais nada, não permitir que essas decisões sejam tomadas pelo eixo Rio/ São Paulo/ Brasília. Temos que ter no projeto nacional de desenvolvimento, o zoneamento econômico,ecológico, mas vai ser um mero documento para colocar na prateleira, se não houver esforços", afirmou. O evento ocorreu no Auditório Eulálio Chaves, onde acadêmicos da Ufam e militantes da sigla estiverem presentes.

Zona Franca de Manaus

Conforme estudos apresentados na palestra por Hissa Abrahão, no primeiro semestre de 2019, a ZMF apresentou faturamento de R$ 48,48 bilhões, alcançando crescimento de 10,7%, na comparação com janeiro a junho de 2018. Em dólar, o faturamento nos seis primeiros meses do ano totalizou US$ 12.61 bilhões. Mais de R$ 10 bilhões foram arrecadados do setor de bens de informática, do polo eletroeletrônico. Recentemente, a Zona Franca tem sido assunto de debate entre líderes políticos, economistas, empresários e ambientalistas, pela constante ameaça de fechamento do Polo Industrial de Manaus (PIM).

 

Publicidade


   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2021