Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Helena ganha nova versão em projeto do Ateliê 23
Por Karla Mendes,
quarta-feira, 16 de dezembro de 2020
 
 
 

Helena ganha nova versão em projeto do Ateliê 23
Espetáculo Helena. / Larissa Martins

Espetáculo vai ser apresentado entre os dias 17 e 20 de dezembro, às 20h, com acesso gratuito

A história de “Helena”, uma mulher real, professora, mãe, brasileira que reflete a imagem de superação, vai ser contada numa nova versão, entre os dias 17 e 20 de dezembro, no Ateliê 23 (Rua Tapajós, 166, Centro). O espetáculo faz parte da programação do Combo 23, projeto contemplado no Edital Prêmio Manaus de Conexões Culturais, da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), por meio da Lei nº 14.017/2020, conhecida como Lei Aldir Blanc.

A apresentação inicia às 20h e o acesso é gratuito, no entanto, as vagas são limitadas. A medida atende aos protocolos de segurança em prevenção a Covid-19, como distanciamento social, uso obrigatório de máscaras e álcool em gel em pontos estratégicos.

O ator e diretor Taciano Soares conta que “Helena” teve mudanças no elenco e as cenas passaram por uma reformulação.

“As cenas narram mais detalhes da história na infância e na juventude, casos específicos de revelação da fé que ela viveu, mas com o mesmo objetivo, de tornar Helena essa figura que atravessa possibilidades de renovação a partir da fé e da música, que são os pontos principais da obra”, adianta o artista. “As sequências foram repensadas dentro do perfil do novo elenco e a partir de uma necessidade que identificamos depois das inúmeras apresentações da primeira temporada, de aproximar e envolver mais as pessoas em minúcias que passaram despercebidas”.

A nova versão da peça traz na ficha técnica os atores Eric Lima, Jean Palladino, Julia Kahane, Laury Gitana, Taciano Soares e Thiana Colares. A trilha sonora, característica do espetáculo, reúne sucessos de cantores consagrados da música brasileira e também canções autorais criadas por Number Teddie, com a colaboração de Eric Lima.

“Agora temos a direção musical de Ediel Castro e, além disso, a execução musical é ao vivo, multiinstrumental, realizada por ele”, destaca Taciano Soares.

Sucesso de público e crítica desde a primeira temporada, em 2019, “Helena” recebeu indicação ao Prêmio Brasil Musical, na categoria “Melhor Musical Norte”. Em janeiro deste ano, a peça foi a única representante da região Norte a participar da segunda edição da mostra a_ponte: cena do teatro universitário, na programação teatral de 2020 do Itaú Cultural, em São Paulo.

O projeto também foi contemplado pela Residência de Artes Cênicas do Serviço Social do Comércio do Amazonas (Sesc) em 2019.

Combo 23 – Projeto de pesquisa e manutenção do Ateliê 23, contemplado no Edital Prêmio Manaus de Conexões Culturais, da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), por meio da Lei nº 14.017/2020, conhecida como Lei Aldir Blanc.

O “Combo 23”, como frente de manutenção e numa perspectiva conceitual, propõe realizações de oficinas e apresentações para a comunidade, em diferentes zonas de Manaus. Já a frente de pesquisa traz a articulação teórica sobre a continuidade das ações do grupo, como intercâmbio com uma companhia de Minas Gerais, seminário de investigação sobre o momento histórico da cidade e processo de imersão que vai ser exibido no fim deste mês.

Ateliê 23 – Em sete anos de estrada, o Ateliê 23 tem base no Centro de Manaus desde março de 2015, na Rua Tapajós, 166, com 16 espetáculos no repertório, entre eles sucessos de público e crítica como “Helena”, selecionado para a mostra a_ponte: cena do teatro universitário do Itaú Cultural e indicado ao Prêmio Brasil Musical; “da Silva” e “Ensaio de Despedida”, indicados para o projeto Palco Giratório, do Sesc; “Vacas Bravas” e “Persona – Face Um”. Este último colocou em pauta o tema transfobia e ficou um ano e meio em cartaz.

Um dos poucos espaços culturais privados de Manaus, a casa da companhia de teatro abriga muitos grupos e artistas independentes para realizar ensaios, temporadas de espetáculos, encontros, lançamentos de livros, apresentações acadêmicas, debates e oficinas. O local já sediou ações promovidas pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Federação de Teatro do Amazonas (Fetam), Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Fundação Nacional de Artes (Funarte), Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa e Serviço Social do Comércio (Sesc).

Ao longo de cinco anos, mais de sete mil pessoas passaram pelo equipamento cultural, que tem a sala de espetáculos com capacidade para 40 lugares. Antes da pandemia, o Ateliê 23 abria as portas para o público todos os fins de semana, de fevereiro a dezembro.

 

Publicidade


   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2021