Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Combate à hanseníase é intensificado em Manaus
Por Guto Vasconcellos e Luciete Pedrosa Andréa Arruda, Assessoria de Comunicação SEMSA
sexta-feira, 18 de janeiro de 2013
 
 
 

Combate à hanseníase é intensificado em Manaus
/

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) vai intensificar o combate à Hanseníase com a busca ativa de pacientes, exames dermatológicos, além da distribuição de materiais educativos nas escolas públicas e nas dependências do porto de Manaus. As atividades acontecerão de 28 de janeiro a 1º de fevereiro em comemoração ao Dia Mundial de Combate a Hanseníase, instituído pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como o último domingo de janeiro. Participam da programação 72 Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSF´s), com suas equipes de médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, agentes comunitários em saúde e de Educação em Saúde.

 

A programação, que é coordenada pelo Núcleo de Controle da Hanseníase da Semsa, será realizada simultaneamente nos quatro Distritos de Saúde (Disa) localizados nas zonas Norte, Sul, Leste e Oeste, e no Distrito de Saúde Fluvial.

 

Segundo o enfermeiro responsável pelo Núcleo, Waldenor Guimarães Tiago, a Prefeitura de Manaus vai atender as diretrizes do Programa Nacional de Combate à Hanseníase do Ministério da Saúde (MS), cuja orientação é de que seja atingida em cada município a meta de 85% de cura da doença. Atualmente na capital este percentual é de 75 %, de acordo com o enfermeiro.

 

Durante as ações, as equipes de saúde realizarão a triagem dos pacientes que apresentarem manchas na pele, fazendo o teste de sensibilidade. Waldenor Guimarães explica que o diagnóstico é simples, feito através do exame de pele, no qual poderão ser identificadas as manchas avermelhadas ou não. Os pacientes detectados com a doença receberão o tratamento que dura de seis a 12 meses, dependendo do grau de manifestação apresentado.

 

De acordo com o Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), do Ministério da Saúde, o Amazonas ocupa o 18º lugar na detecção de casos novos em maiores de 15 anos e na 15ª posição na detecção da doença em menores de 15 anos. Em 2012, um total de 603 casos novos foram registrados no Estado, dos quais 205 diagnosticados na capital, o que corresponde a 33% da totalidade dos registros.

 

A Hanseníase é uma doença transmissível, causada pelo bacilo de Hansen (micobacterium leprae), que ataca principalmente pele e nervos periféricos. O contágio se dá através da eliminação de gotículas da fala, espirro e tosse, por pessoa doente com a forma mais grave da doença e que conviva por muito tempo com a pessoa sadia.

 

Publicidade




TecVidros
   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Cinema
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Cyber Café
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Hotspots (wi-fi)
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


Whatsapp Manausonline:
whatsapp (92) 98252-0123    


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2019