Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Semsa realizou 670 atendimentos de urgência no carnaval
Por Eurivânia Galúcio, SEMSA
quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013
 
 
 

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) executou uma série de ações durante o feriado de Carnaval, atuando na prevenção e promoção à saúde, nos serviços de urgência e na fiscalização dos serviços.

O Núcleo de Controle das DST/Aids e Hepatites Virais da Semsa organizou a distribuição de 800 mil preservativos durante todo o período carnavalesco. O trabalho foi realizado como parte da Campanha de Prevenção das Doenças Sexualmente Transmissíveis, Aids e Hepatites Virais, que este ano apresentou o tema “Vamos usar camisinha aí, gente! Folião que se preza não brinca sem fantasia”.

A distribuição de preservativos durante o Carnaval foi feita por profissionais de saúde nas Unidades Básicas de Saúde do município, durante a apresentação de bandas e blocos de ruas, no período pré-carnavalesco, e durante os desfiles das escolas de samba no Sambódromo, dias 08 e 09 de fevereiro, e no Carnaboi, nos dias 11 e 12 fevereiro.

Também durante o feriadão de Carnaval (08, 09, 10, 11 e 12 de fevereiro), o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) realizou 670 atendimentos com remoções, houve o registro de 79 colisões de trânsito, 18 atropelamentos e 16 chamadas por agressão física. O SAMU também realizou 44 orientações médicas por telefome (192) ou no próprio local da ocorrência.

O Departamento de Vigilância Sanitária (DVisa), de 08 a 12 de fevereiro, vistoriou 100 eventos carnavalescos, entre apresentação de blocos, bandas e desfiles de escolas de samba. As vistorias foram realizadas por 54 fiscais que verificaram se as exigências sanitárias estavam sendo cumpridas nos locais de eventos.

Os fiscais verificaram o fornecimento de bebidas com utilização de gelo de água potável, o acondicionamento do gelo em recipientes limpos e bem conservados, o armazenamento e acondicionamento de bebidas e alimentos de acordo com o Código Sanitário de Manaus e a quantidade de banheiros químicos. De acordo com o chefe da Divisão de Engenharia Sanitária da Semsa, Pedro Contente, os fiscais também efetuaram orientações em relação à manipulação de alimentos por ambulantes e observaram a condição dos alimentos vendidos.

“Nós observamos algumas irregularidades e por isso a DVisa já está com a proposta de organizar a oferta de cursos de manipulação de alimentos para os ambulantes. A ideia é fazer do curso um dos critérios para credenciamento desses ambulantes em eventos como o carnaval”.

 

 

 

 

 

 

Publicidade




TecVidros
   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Cinema
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Cyber Café
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Hotspots (wi-fi)
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


Whatsapp Manausonline:
whatsapp (92) 98252-0123    


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2019