Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Semasdh faz abertura de Caravana da Cidadania Indígena
Por Fabíola Pascarelli, Semcom
sexta-feira, 26 de abril de 2013
 
 
 

Semasdh faz abertura de Caravana da Cidadania Indígena
/

 

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (Semasdh) abriu, no início da noite desta sexta-feira, 26, a Caravana da Cidadania Indígena. O evento aconteceu no auditório do Parque do Mindu, na zona Centro-Sul, e contou com a participação de mais de 20 etnias indígenas, entre elas Sateré-Mawé, Mundurucu, Tukano, Dessana, Mura e Tikuna.

“Nós queremos levar aos indígenas os direitos e programas que já são oferecidos aos demais cidadãos manauaras. É uma obrigação nossa e uma determinação do prefeito Arthur Virgílio. Através de parceria com várias secretarias vamos fazer com que as populações indígenas sejam tratadas com respeito e dignidade”, afirmou a secretária da Semasdh, Goreth Garcia Ribeiro.

Durante a abertura da caravana, líderes indígenas expuseram algumas reivindicações, como criação de feiras de exposição de artesanato em pontos turísticos da cidade, legalização de títulos definitivos de moradias, inclusão em programas sociais, promoção de cursos e oficinas de Direitos Humanos para lideranças, exposição para pintores, escultores, cantores e grupos de danças tradicionais, além de eventos esportivos indígenas.

Na manhã deste sábado, 27, a Semasdh promoverá uma série de ações nas áreas de assistência social, saúde, educação, meio ambiente e trabalho para as comunidades indígenas. A meta é realizar cerca de 2,5 mil Semasdh faz abertura de Caravana da Cidadania Indígena

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (Semasdh) abriu, no início da noite desta sexta-feira, 26, a Caravana da Cidadania Indígena. O evento aconteceu no auditório do Parque do Mindu, na zona Centro-Sul, e contou com a participação de mais de 20 etnias indígenas, entre elas Sateré-Mawé, Mundurucu, Tukano, Dessana, Mura e Tikuna.

“Nós queremos levar aos indígenas os direitos e programas que já são oferecidos aos demais cidadãos manauaras. É uma obrigação nossa e uma determinação do prefeito Arthur Virgílio. Através de parceria com várias secretarias vamos fazer com que as populações indígenas sejam tratadas com respeito e dignidade”, afirmou a secretária da Semasdh, Goreth Garcia Ribeiro.

Durante a abertura da caravana, líderes indígenas expuseram algumas reivindicações, como criação de feiras de exposição de artesanato em pontos turísticos da cidade, legalização de títulos definitivos de moradias, inclusão em programas sociais, promoção de cursos e oficinas de Direitos Humanos para lideranças, exposição para pintores, escultores, cantores e grupos de danças tradicionais, além de eventos esportivos indígenas.

Na manhã deste sábado, 27, a Semasdh promoverá uma série de ações nas áreas de assistência social, saúde, educação, meio ambiente e trabalho para as comunidades indígenas. A meta é realizar cerca de 2,5 mil atendimentos.

Entre os serviços oferecidos estarão atendimento médico, teste de glicemia, teste rápido de HIV, vacinação, cadastro em programas sociais, emissão de documentos, cadastro no Sine/Manaus, orientação sobre regularização fundiária, entre outros. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) também fará distribuição de mudas, orientação de corte e poda, além de palestra sobre educação ambiental.

O líder indígena André Sateré ressaltou que as comunidades indígenas ficaram satisfeitas com a iniciativa. “Nós achamos muito importante esse interesse da Prefeitura em chamar os indígenas para começar a discutir as nossas necessidades dentro da cidade. Até porque nós queremos fazer parte dessa discussão para melhoria da educação, saúde, habitação, entre outras áreas, para os indígenas”, afirmou.atendimentos.

Entre os serviços oferecidos estarão atendimento médico, teste de glicemia, teste rápido de HIV, vacinação, cadastro em programas sociais, emissão de documentos, cadastro no Sine/Manaus, orientação sobre regularização fundiária, entre outros. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) também fará distribuição de mudas, orientação de corte e poda, além de palestra sobre educação ambiental.

O líder indígena André Sateré ressaltou que as comunidades indígenas ficaram satisfeitas com a iniciativa. “Nós achamos muito importante esse interesse da Prefeitura em chamar os indígenas para começar a discutir as nossas necessidades dentro da cidade. Até porque nós queremos fazer parte dessa discussão para melhoria da educação, saúde, habitação, entre outras áreas, para os indígenas”, afirmou.

 

 

 

 

 

 

Publicidade




TecVidros
   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Cinema
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Cyber Café
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Hotspots (wi-fi)
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


Whatsapp Manausonline:
whatsapp (92) 98252-0123    


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2019