Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Prefeitura lança Campanha contra Dengue
Por Eurivânia Galúcio, Semcom
quinta-feira, 21 de novembro de 2013
 
 
 

Para evitar o aumento do número de casos de dengue no ano de 2014, a Prefeitura de Manaus lançará na próxima segunda-feira, dia 25, a Campanha 10 Minutos Contra Dengue, às 10h, no auditório da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). A meta é sensibilizar a população sobre a importância da participação de todos no combate à doença e informar que são necessários apenas 10 minutos por semana para fazer uma checagem rápida no imóvel, verificando a existência de criadouros do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue.
 
“O ciclo da vida do mosquito da dengue, do ovo até a fase adulta, leva cerca de 7 a 10 dias. Por isso, para garantir a saúde da sua família e da sua comunidade, basta fazer uma checagem bem rápida, de apenas 10 minutos, uma vez por semana, interrompendo o ciclo e evitando o nascimento de novos mosquitos. Faremos VTs, spot de rádio e material educativo para alertar a população da importância dessa parceria para evitar um surto da doença em Manaus da doença. A população será orientada sobre como pode fazer um check list em casa, conferindo os locais onde os mosquitos se proliferam e deixando o imóvel livre de depósitos que possam servir de criadouros do Aedes Aegypti”, explica o secretário municipal de Saúde, Evandro Melo.
 
A Semsa irá realizar, por meio dos Agentes Comunitários de Saúde (ACSs), a orientação sobre a aplicação do check list junto aos proprietários dos imóveis, que poderão marcar, semanalmente, os espaços que foram vistoriados, incluindo calhas, lajes, caixas-d’água, prato de plantas, garrafas vasilhas guardadas no quintal e executar ações simples como colocar o lixo dentro da lixeira e mantê-la tampada, nunca deixar água acumular em pneus e manter tanques de água cobertos. Os ACS’s, durante as visitas mensais de rotina, também irão verificar a situação do check list e, caso seja necessário, oferecer novas orientações aos moradores.
 
“Além dos imóveis residenciais, a Semsa pretende estimular a adesão ao check list dentro de instituições governamentais, empresas e escritórios, já que a dengue é uma doença onde a transmissão pelo mosquito acontece durante o dia, ou seja, no horário em que a maioria das pessoas está no trabalho ou em escolas”, destaca Melo.
 
Casos
O município de Manaus registrou, em 2013, 14.785 casos notificados de dengue, sendo que 12 mil foram confirmados no primeiro quadrimestre. O número aumentou cerca de 140% em relação ao ano passado, quando foram notificados 5.258 casos da doença. Em 2011, o número de casos notificados foi de 56.010.
 
De acordo com Evandro Melo, depois de contrair dengue, o paciente cria determinada imunidade a quatro sorotipos da doença durante um período de seis a oito meses, e fica permanentemente imune ao tipo de vírus que contraiu. “Isso significa que de um ano para o outro, depois de uma epidemia como a que ocorreu em 2011, o número de casos acaba por apresentar uma redução, como ocorreu em 2012. Este ano, houve um aumento no registro do número de casos também por questões ambientais, já que as chuvas foram constantes. Além disso, desde o dia 02 de janeiro, a recomendação é para que todas as Unidades de Saúde intensifiquem o trabalho de notificação da doença para que, consequentemente, a Semsa tenha um registro de casos o mais exato possível”, informa Evandro Melo.
 
Prioridades
A gerente de Vigilância Ambiental da Semsa, enfermeira Márcia Larissa Menezes, informa que a distribuição do material educativo, que inclui o check list, terá como prioridade, inicialmente, os imóveis que estão nas áreas consideradas como sendo de altíssimo e alto risco para a dengue. “As áreas estão sendo identificadas de acordo com o mapa de vulnerabilidade, que é gerado a partir dos dados epidemiológicos (registro do número de casos) e de uma série histórica, dos últimos 10 anos, do Levantamento do Índice Rápido de Infestação por Aedes Aegypti (LIRAa). Com esses dados é possível fazer uma análise de quais são os bairros e comunidades que estão mais suscetíveis a transmissão da doença.”, informa Márcia Menezes.
 
Durante o lançamento da Campanha 10 Minutos Contra Dengue na próxima segunda-feira, dia 25, a Semsa também vai apresentar os dados do último Levantamento do Índice Rápido de Infestação por Aedes Aegypti (LIRAa).
 
O LIRAa é realizado a cada quatro meses com o objetivo de permitir a identificação do risco existente para a ocorrência de casos de dengue. Para executar o levantamento, agentes de endemias visitam os imóveis fazendo a identificação de possíveis criadouros, verificando o grau de infestação do mosquito transmissor da dengue e eliminando os criadouros encontrados. A partir dele é possível definir as áreas prioritárias para intervenção e elaborar ações que possam evitar a proliferação do mosquito transmissor da doença.
 
De acordo com as diretrizes do Ministério da Saúde, um índice de infestação inferior a 1% significa que o município apresenta condições satisfatórias, e de 1% a 3,9% significa estado de alerta. Acima de 4%, há maior predisposição para a ocorrência de surtos de dengue.
 
 
 
 

 

Publicidade




TecVidros
   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Cinema
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Cyber Café
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Hotspots (wi-fi)
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


Whatsapp Manausonline:
whatsapp (92) 98252-0123    


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2019