Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Vinte e dois policiais e bombeiros militares mortos nos últimos 2 anos
Por Comunicação Platiny Soares,
domingo, 8 de fevereiro de 2015
 
 
 

Vinte e dois policiais e bombeiros militares mortos nos últimos 2 anos
Durante a homenagem cruzes negras e rosas brancas. / JPLima

A associação dos Praças do Estado do Amazonas (APEAM) com o apoio do vice-presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa (ALE-AM), deputado Platiny Soares (PV), promoveu na manhã deste domingo (8) na Praia da Ponta Negra, homenagem que lembrou os 22 policiais e bombeiros militares mortos durante o trabalho ou dias de folga entre janeiro de 2013 e janeiro de 2015.

 

Durante a homenagem cruzes negras e rosas brancas foram fincadas na praia para servirem de alerta à sociedade e autoridades quanto a fragilidades às quais os profissionais da segurança pública estão expostos diariamente. “Essa fragilidade é principalmente dos policiais militares, que são quem realmente se expõem na defesa da sociedade dia e noite”, comentou o presidente da APEAM, SD PM Gerson Feitoza.

 

Os números de mortos foram catalogados ao longo dos últimos dois anos, e segundo Feitosa, contradizem dados da Secretária de Segurança Pública do Estado do Amazonas (SSP-AM) que apontam a morte de apenas nove policiais no mesmo período. “O silêncio das instituições militares estaduais diante das mortes aponta a falta de interesse em divulgar dados tão assustadores”, disse.

 

O deputado estadual Platiny Soares afirmou que a constatação feita pela APEAM é alarmante e servirá de base para a criação de políticas protetivas e de valorização aos homens e mulheres que integram as corporações.

 

“A preocupação com a segurança dos policiais é nacional e vamos travar esse debate na Comissão de Segurança Pública da Assembleia. A partir do próximo mês teremos uma agenda de audiências públicas pata debater as propostas já apresentadas à Tropa, ao Comando Militar e à Casa Civil, mas agora serão levadas como propositura de lei à Assembleia Legislativa”, disse Platiny Soares.

 

Platiny afirmou que entre os pontos a serem debatidos pela comissão está a criação de políticas de valorização do policial em virtude da periculosidade, a prevenção à doenças em especial as cardiovasculares, psicológicas e nutricionais, criação de políticas habitacionais específicas de proteção das famílias de policiais e bombeiros militares e solenidade oficial para homenagear os combatentes mortos.

 

Essa é a segunda vez que a APEAM realiza ato para lembrar os policiais e bombeiros militares do Amazonas mortos em decorrência da profissão. A primeira ação pacífica aconteceu em 11 de janeiro do ano passado e mostrou que pelo menos 13 profissionais morreram entre janeiro de 2013 e janeiro de 2014.

 

Publicidade


   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2021