Principal        Turismo        Lazer        Gastronomia        Notícias        Serviços        Educação      


Notícias



Corridas da inclusão reúnem mais de duas mil pessoas na Ponta Negra
Por Auriane Carvalho, SEMCOM
domingo, 23 de agosto de 2015
 
 
 

Corridas da inclusão reúnem mais de duas mil pessoas na Ponta Negra
As corridas do Abracinho e a Rústica Abrace uma Pessoa com Deficiência. / CLEOMIR SANTOS

As corridas do Abracinho e a Rústica Abrace uma Pessoa com Deficiência reuniram mais de duas mil pessoas, no Complexo Turístico Ponta Negra, zona Oeste, na tarde de sábado, 22. A programação, realizada pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), contou com o apoio de várias instituições e entidades que trabalham com pessoas com deficiências. A ideia foi chamar a atenção para a necessidade de maior inclusão na sociedade.

A entrega das premiações foi feita pelo prefeito Arthur Virgílio Neto e pela primeira-dama e secretária municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos, Goreth Garcia.

Para o prefeito Arthur, Manaus é considerada uma cidade de corredores, uma vez que possui muitos atletas, triatletas e maratonistas. “E estamos nos tornando uma cidade com corredores com deficiência, seja visual, com paralisia, autismo, entre outras. E isso traz uma sensação de igualdade, de inclusão fantástica. Temos que estar juntos e trabalhando cada vez mais para a inclusão, pois essas pessoas têm muito para dar a cidade e ao país”, destacou.

A secretária da Semmasdh e madrinha da corrida, Goreth Garcia, afirmou que o evento conseguiu chamar a atenção da cidade e fez com que todos descruzassem os braços e fossem prestigiar a corrida. “Trabalhar a inclusão verdadeira na escola e na vida é um papel de todo o cidadão e a prefeitura estimula isso quando faz esse tipo de ação. Fez a corrida do Abracinho mais cedo e agora a corrida com os adultos”, disse.

A coordenadora dos Jogos Adaptados André Vidal (Jaavas), Shirley Amaral, que é idealizadora do projeto, destacou a necessidade de se divulgar as ações promovidas para a inclusão das pessoas com deficiências na sociedade. “Estamos fazendo a corrida do Abracinho justamente para educar as crianças e fazer com que aceitem suas diferenças. E quando convocamos a sociedade, ela está vindo e apoiando essa iniciativa. As escolas também estão participando e isso é muito importante”, comemorou.

Participação

Da III Corrida Rústica participaram mais de mil pessoas. Entre elas, pessoas com paralisia cerebral e visual e cadeirantes em um percurso de 5 km, com premiações que variavam de R$ 100 a R$ 500. Já a corrida do Abracinho foi direcionada para crianças de 1 a 12 anos, que ganharam medalhas após a conclusão das provas.

A dona de casa Vânia da Silva, 29, fez questão de levar a pequena Maria Luiza, 3, que possui paralisia cerebral, para a programação. Para ela, iniciativas como essas ajudam a diminuir o preconceito. “Precisamos de mais eventos como esses para que as pessoas possam mudar seus pensamentos em relação às pessoas com deficiência. A Maria Luiza adorou participar da corrida do Abracinho e, sempre que puder, estarei participando com ela de programações assim”, garantiu.

O vencedor da corrida Rústica na modalidade cadeirante foi o industriário Francisco Barros Pimenta, 43, que já participou, inclusive, da São Silvestre, em São Paulo. “Participo de todas as corridas de Manaus e não poderia deixar de vir a essa. Estou feliz por mais uma vitória”, comemorou, após receber a premiação das mãos do prefeito.

Jaavas

Uma série de atividades e disputas esportivas continuarão ao longo da 4ª edição dos Jogos Adaptados André Vidal de Araújo (Jaavas). O evento foi aberto na última sexta-feira, 21, no Parque Municipal do Idoso, e seguirá ao longo desta semana, encerrando no dia 28.

Para o secretário Sildomar Abtibol, da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel), a realização do Jaavas é importante por consolidar um trabalho de estímulo à atividade física, que tantos benefícios traz ao ser humano. “O exemplo de superação dado pelas pessoas com deficiências que participam das competições é fundamental para que outras pessoas tomem a iniciativa e também comecem a praticar uma atividade física, que a afastará dos hospitais e unidades de saúde, porque ganharão qualidade de vida”, disse.


Alunos inclusos

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) possui 1.915 alunos com deficiência. Do total, 1.110 estão inclusos em 70% das 506 escolas da rede, tanto no diurno, quanto no noturno. Há ainda 470 matriculados na Escola Municipal de Educação Especial André Vidal de Araújo e também 345 alunos parcialmente incluídos. Esses alunos são de 24 classes especiais, sendo 15 alunos com deficiência por turma.

 

Publicidade


   
TURISMO
Agências de Turismo
Artesanato
Bibliotecas
Casas de Câmbio
Consulados
Ficha
Fotos
História
Hospedagem
Igrejas
Informações
Pontos Turísticos
Mapas
Municípios
Museus
Pescaria
Shoppings
Teatros
Zona Franca de Manaus

LAZER
Bares
Casas Noturnas
Eventos

GASTRONOMIA
Cafeterias
Café Regional
Churrascarias
Guloseimas
Lanchonetes
Pizzarias
Restaurantes
Sorveterias
SERVIÇOS
Caixas Eletrônicos 24h
Delegacias
Farmácias 24h
Hospitais
Notícias
Telefones Úteis
Táxi

EDUCAÇÃO
Infantil
Escolas Públicas
Escolas Particulares
Curso Superior
Curso Técnico
Siga nas redes sociais:
Twitter   Facebook   Instagram


No seu bolso:
Download na Apple Store

Download na Google Play

ManausOnline.com
Copyright © 1996-2021